UP ATOM Server

DC 0079 - Estação dos correios da Lixa

Ante-projecto: Plantas / ... Ante-projecto: Alçados Co... Projeto de licenciamento:... Alçados Projecto de execução: Pla... Projecto de execução: Cor... Projecto de execução: Cor... Ante-projecto: Plantas / ... Projecto de licenciamento... Plantas Plantas Estudo prévio: Plantas Estudo prévio: Alçados Co... Estudo prévio: Plantas Projecto de execução: Pla... Plantas Projecto de execução: Cor... Projecto de execução: Alç... Projecto de execução: Pla... Projecto de execução: Pla...
Resultados 1 a 20 de 51 Mostrar tudo

Zona de identificação

Código de referência

PT FIMS AS-1-1.1-001-0079

Título

Estação dos correios da Lixa

Data(s)

  • 1984-1990 (Produção)

Nível de descrição

DC

Dimensão e suporte

55 peças desenhadas;
1 u.i. de peça escrita

Zona do contexto

Nome do produtor

Alcino Soutinho, Arquitecto (1958-1993)

História administrativa

Alcino Soutinho iniciou a sua atividade de arquiteto em regime de profissão liberal em 1958. Teve vários escritórios, constituídos sem formalismos legais, onde exerceu a prática da arquitetura. Durante a sua vida profissional destacam-se duas fases: numa primeira fase, a profissão foi exercida com vários sócios sem qualquer formalismo; numa segunda fase, em 1993, associa-se à sua filha no escritório que se designa por “Alcino Soutinho Arquitecto Lda.”
Cronologicamente, podemos referir as seguintes fases, enquanto arquitecto em regime liberal:
1ª Escritório com o arquiteto Octávio Lixa Filgueiras na Praça de Filipa de Lencastre, no Edifício do Hotel Infante de Sagres
2ª Escritório com Pedro Ramalho e Sérgio Fernandes, na Rua do Barão de S. Cosme, no início dos anos 60; depois mudam-se para a Rua Marques da Silva. Os trabalhos dos arquitetos começam a separar-se;
3ª Escritório com Rolando Torgo, nos fins dos anos 60 até 1973, na rua de D. Hugo;
4ª Escritório, de 1973 até 1993, escritório na Rua Carlos Malheiro Dias nº 283 r/c Direito;
Ao longo da sua vida profissional projetou mais de 200 obras.

História do arquivo

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Documentos relativos ao processo de obra da Estação dos correios da Lixa, com o número de obra 79.
O processo de obra é composto pelos seguintes documentos: 55 peças desenhadas, 1 u.i. com correspondência, peças desenhadas, memória descritiva, medições, orçamentos, caderno de encargos, projecto de execução, diversos

Dados sobre a obra
Responsável: Arq. Alcino Soutinho
Estado da obra: Construída
Localização: Vila Cova da Lixa
Tipo de construção: Estabelecimento comercial

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de organização

Zona de condições de acesso e utilização

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona de documentação associada

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Zona das notas

Nota

A solução apresentada para a estação dos correios na Lixa fundamenta-se, essencialmente, nas características do local previsto para a sua implementação. Tratando-se de um edifico de gaveto denotam-se as condições para o enriquecimento das relações físicas e visuais entre os espaços interiores e o exterior, através dos amplos envidraçados que guarnecem toda a frente do edifício.
Esta obra valeu ao Arquiteto a nomeação ao Prémio Secil de 1992.

Identificador(es) alternativo(s)

Pontos de acesso

Pontos de acesso - Assuntos

Pontos de acesso - Locais

Pontos de acesso - Nomes

Zona do controlo da descrição

Identificador da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Nível de detalhe

Datas de criação, revisão, eliminação

Línguas e escritas

  • português

Script(s)

Fontes

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Locais relacionados