Mostrar 2280 resultados

Registo de autoridade

Bacalov, Luís Enríquez, 1933-, pianista

  • PT/MIL/LEB
  • Pessoa
  • 1933-

Luís Enríquez Bacalov nasceu a 30 de agosto de 1933, em Buenos Aires, Argentina. Iniciou os seus estudos em piano em 1938, com apenas cinco anos, estudos esses que prolongou quase até aos 20 anos. Com esta idade muda-se para a Colômbia, onde viveu quatro anos, indo, de seguida, para Espanha, onde apenas permaneceu um ano e, logo depois, para França, onde concluiu a sua pós-graduação em Paris. É em 1959 que vai viver para Itália onde inicia, de forma mais consistente, o seu percurso como pianista.
Em 1960 Luís Enríquez Bacalov passa a cuidar dos arranjos musicais de artistas de renome como Nico Fidenco, Rita Pavone, Umberto Bindi e Sergio Endrigo. Colaborou, também, com grupos musicais no arranjo das músicas dos seus álbuns, como é exemplo a banda “New Trolls”. Um dos pontos altos da sua carreira aconteceu em 1998 quando ajudou na interpretação da música “Smisurata Preghiera” de Fabrizio De André que chegou a ser integrada no filme “Ilone arriva com la pioggia”.
Luís Enríquez Bacalov tem o curso de “Composizione di musica per film”, obtido na Accademia Chigiana do Siena. É maestro principal na Orchestra dekka Magna Grecia, em Tarento e professor na Academia de Ciema ACT Multimedia, em Roma.
Entre a sua discografia estão temas como “We Still Kill the Old Way” (1968), “La cité des femmes” (1980), “Anni Ribelli” (1994), “Sugar Colt” (2003) e “Coup de foudre” (2010).

Bacelar, Manuela, 1943-, ilustradora

  • PT/MIL/MB
  • Pessoa
  • 1943-

Nascida em 1943 em Coimbra, Manuela Bacelar realizou os seus estudos secundários na Escola de Artes Decorativas Soares dos Reis, no Porto. Ingressou na Escola Superior de Artes Aplicadas em Praga onde concluiu o curso de Ilustração. Manuela Bacelar reside o Porto desde 1971, dedicando-se à ilustração desde 1988. O seu percurso profissional conta com mais de meia centena de livros ilustrados, colaborando, também, com variadas editoras nacionais e estrangeiras. Além disso, já fez enumeras exposições individuais e coletivas.
Manuela Bacelar é consideradas uma das mais importantes ilustradoras contemporâneas e o seu foco é, essencialmente, na literatura infantojuvenil, tendo vindo a afirmar-se enquanto pioneira na criação de álbuns infantis em Portugal, sendo a autora e ilustradora da maioria das suas obras. Participa com regularidade em Bienais de Ilustração e Exposições Internacionais de Ilustração.
O trabalho que tem vindo a desenvolver trouxe vários prémios e nomeações a Manuela Bacelas, destacando-se a Maça de Ouro da Bienal Internacional de Bratislava (1989), o Prémio Gulbenkian de Ilustração (1990), a nomeação para o prémio Octognes em França (1990), a lista de Honra do Prémio Paolo Vergero da Univversidade de Pádua (1992), o Prémio Octognes (1994), o Prémio de Ilustração do Ministério da Cultura/IBBY (1996) e o Prémio António Botto de Literatura Infantil (2000).

Balsemão, Francisco José Pereira Pinto, 1937-, político

  • PT/MIL/FJPPB
  • Pessoa
  • 1937-

Filho de Henrique Patrício Pinto Balsemão e de Maria Adelaide van Zeller de Castro Pereira, Francisco José Pereira Pinto Balsemão nasceu em Lisboa a 1 de setembro de 1937. Licenciou-se em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, frequentando em paralelo o curso de Ciências Político-Económicas da mesa faculdade.
Pinto Balsemão foi jornalista a partir de 196, chefe de redação da revista “Mais Alto” e secretariou a direção do “Diário Popular” até 1963, chegando a integrar o respetivo Conselho de Administração desse matutino, entre 1965 e 1971. Foi o criador do semanário “Expresso”, em 1973, sendo seu diretor até 1979. Este jornal foi a base para a constituição do grupo de comunicação social “Impresa”, através do qual entrou no mercado da televisão e que detém 100% da SIC, sendo Pinto Balsemão até à atualidade o presidente do Conselho de Administração.
A política também fez parte da vida de Pinto Balsemão. Foi deputado independente à Assembleia Nacional, demitindo-se do cargo em 1973. Foi um dos três membros fundadores do Partido Popular Democrático, atual Partido Social Democrata. Foi deputado da Assembleia Constituinte e chegou a Primeiro-ministro de Portugal entre 1981 e 1983
Pinto Balsemão foi professor associado convidado da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa entre 1987 e 2002 e membro do Conselho Consultivo a Universidade de Lisboa entre 2007 e 2009, chegando a presidente do Conselho da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, em 2009 e a membro do Conselho Consultivo do ISEG em 2010.
Pinto Balsemão teve outras funções públicas relacionadas a banca e com o jornalismo e desempenha cargos de júri de diversas entidades de atribuição de prémios nacionais e internacionais. A sua vida conta com dezenas de títulos, condecorações, distinções e prémios.

Resultados 161 a 180 de 2280