DC 0010 - Edifício EPUL - Rua do Arco do Marquês de Alegrete

Planta 0 Planta 1 Planta 2 Planta 3 Planta 4 Corte 123456 [Alçado] Cortes 1-2-3 [Alçado] Corte 8 Piso 01 - Áreas de utilização: proposta de sub-divisão Piso 0 - Áreas de utilização: proposta de sub-divisão Piso 1 - Áreas de utilização: proposta de sub-divisão Piso 2 - Áreas de utilização: proposta de sub-divisão Piso 3 - Áreas de utilização: proposta de sub-divisão Piso 4 - Áreas de utilização: proposta de sub-divisão Planta de Implantação Piso 01 (cota 100.21) Piso 0 (cota 13.54) Piso 1 (cota 16.84)
Resultados 1 a 20 de 27 Mostrar tudo

Zona de identificação

Código de referência

PT FIMS BCC-02-11-03-0010

Título

Edifício EPUL - Rua do Arco do Marquês de Alegrete

Data(s)

  • 1973 - 1983 (Produção)

Nível de descrição

DC

Dimensão e suporte

Peças escritas: 16 caixas; papel.
Peças desenhadas: 357.
Fotografias: 31.

Zona do contexto

História do arquivo

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Documentos relativos ao processo de obra do Edifício EPUL, na Rua do Arco do Marquês de Alegrete, Martim Moniz, Lisboa.

  • Dados sobre a obra
    • Autor: Bartolomeu Costa Cabral
    • Estado da obra: apenas o Corpo C foi construído
    • Localização: Rua do Arco do Marquês de Alegrete / Praça do Martim Moniz
    • Requerente: Empresa Pública de Urbanização de Lisboa (EPUL)
    • Tipo de construção: edifício de comércio e escritórios
    • Colaboradores: Mário Crespo, arq. (Arquitetura), José Ferreira Crespo, eng. (Estabilidade), José Almeida Torres, eng. e Lemos Rola, eng. (Instalação de Águas e Esgotos), Trigo de Sousa, eng. (Instalações Elétricas), Alberto Sá Borges, eng. (Instalações Mecânicas)
    • Data do projeto: 1973
    • Data de início da obra: 1981
    • Data de conclusão da obra: 1983

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de organização

Zona de condições de acesso e utilização

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona de documentação associada

Existência e localização de originais

Fundação Instituto Arquitecto José Marques da Silva.

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Zona das notas

Nota

«Este edifício foi uma encomenda de uma empresa pública, a EPUL (…). Pretendia-se fazer o remate do tecido urbano preexistente da Mouraria (…). Foram demolidos edifícios díspares, conservando-se apenas o antigo cinema e o que restava do palácio. Da proposta geral só foi executada a primeira fase (…). Ao nível do piso térreo, o projecto contempla uma galeria comercial coberta, sendo os pisos superiores ocupados por comércio e serviços. Há ainda um terraço acessível a partir de uma rampa exterior que faria a ligação entre a praça e a rua tardoz. A principal dificuldade do projecto foi encontrar uma linguagem compatível com a área urbana em que se ia inserir. (…) Representa um esforço de encontrar uma linguagem que se integre na fisionomia do local sem ser por mimetismo formal.»

In Bartolomeu Costa Cabral 18 Obras / ed. Paulo Providência, Pedro Baía. - Porto: Circo de Ideias, 2019 (2ª ed.).

Identificador(es) alternativo(s)

Pontos de acesso

Pontos de acesso - Assuntos

Pontos de acesso - Locais

Pontos de acesso - Nomes

Pontos de acesso de género

Zona do controlo da descrição

Identificador da descrição

PT/FIMS/BCC/0010

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Nível de detalhe

Datas de criação, revisão, eliminação

Línguas e escritas

Script(s)

Fontes

Zona da incorporação

Pessoas e organizações relacionadas

Géneros relacionados

Locais relacionados