DC 0064 - Instituto Superior de Agronomia da Universidade Técnica de Lisboa

Zona de identificação

Código de referência

PT FIMS BCC-02-11-03-0064

Título

Instituto Superior de Agronomia da Universidade Técnica de Lisboa

Data(s)

  • 1990 - 2000 (Produção)

Nível de descrição

DC

Dimensão e suporte

Peças escritas: 27 pastas; papel.
Peças desenhadas: 108.

Zona do contexto

História do arquivo

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Documentos relativos ao processo de obra do edifício do Pavilhão de Agro-Indústrias, Agronomia e Silvicultura Tropical do Instituto Superior de Agronomia da Universidade Técnica de Lisboa.

  • Dados sobre a obra
    • Autor: Bartolomeu Costa Cabral
    • Estado da obra: construído
    • Localização: Tapada da Ajuda, Lisboa
    • Requerente: Universidade Técnica de Lisboa
    • Tipo de construção: equipamento escolar e laboratorial
    • Colaboradores: Barradas Leitão, eng. (Consultores Técnicos, Lda., Águas e Esgotos), Teixeira Trigo, eng. (Estabilidade), Rúben Correia Sobral, eng. (Instalações Elétricas), JOULE (Redes de gás), GEOCONTROL (Reconhecimento Geológico), Getratriz, Lda. (Estudo de Laboratórios)
    • Data do projeto: 1990
    • Data de início da obra: [199-]
    • Data de conclusão da obra: [20--]

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de organização

Zona de condições de acesso e utilização

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona de documentação associada

Existência e localização de originais

Fundação Instituto Arquitecto José Marques da Silva.

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Zona das notas

Nota

«Objecto de um concurso por convites, trata-se um edifício de espaços laboratoriais e de ensino localizado na mata do Instituto Superior de Agronomia em Lisboa (…). A principal condicionante foi a integração na zona arborizada, procurando evitar a destruição de árvores, principalmente as de grande porte (…). A adaptação do edifício ao terreno levou à criação de duas entradas a níveis diferentes. (…) A organização em planta desenvolve-se, em todos os pisos, em torno de um amplo espaço central, com uma escada aberta com luz zenital proveniente de um envidraçado na cobertura e um rasgo em toda a altura do edifício na fachada poente, mercê do alargamento do referido espaço central nessa direcção. Os espaços laboratoriais e de ensino distribuem-se por duas faixas ao longo das fachadas Norte e Sul.»

In Bartolomeu Costa Cabral 18 Obras / ed. Paulo Providência, Pedro Baía. - Porto: Circo de Ideias, 2019 (2ª ed.).

Nota

Em tratamento.

Identificador(es) alternativo(s)

Pontos de acesso

Pontos de acesso - Locais

Pontos de acesso - Nomes

Pontos de acesso de género

Zona do controlo da descrição

Identificador da descrição

PT/FIMS/BCC/0064

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Nível de detalhe

Datas de criação, revisão, eliminação

Línguas e escritas

Script(s)

Fontes

Zona da incorporação

Pessoas e organizações relacionadas

Géneros relacionados

Locais relacionados